top of page

Arquétipo de Deméter - A Deusa da Colheita

Atualizado: 13 de fev.


Esse artigo é sobre o Arquétipo da Deusa Deméter, na mitologia grega, é a deusa da colheita e da agricultura, uma olímpica, filha de Cronos e Reia.


Para saber mais, segue comigo até o final desse artigo sobre o Arquétipo de Deméter a Deusa da Colheita.










Deméter é conhecida também como a deusa da terra cultivada e das estações do ano.


Inclusive o feixe de trigo vem como um dos seus símbolos. Como deusa da agricultura, fez várias e longas viagens com Dioniso ensinando os homens a cuidarem da terra e das plantações.


Em Roma, onde se chamava Ceres, seu festival era chamado Cereália, sendo celebrado na primavera.


Perceba, que vem de Ceres o que chamamos de cereais hoje na nossa alimentação.


Um dos mitos mais conhecidos sobre a Deusa Deméter é o sequestro de Perséfone; já tem vlog sobre a deusa Perséfone no canal; essa era a maior alegria da deusa Deméter!


Quando Hades a sequestrou, a Deusa Deméter fez as plantas pararem de crescer por todo o mundo, e disse que as plantas só voltariam a crescer quando sua amada filha voltasse. Depois de muito tempo, Hades e a Deusa Deméter fizeram um acordo onde a deusa Perséfone ficaria com a mãe 3/4 do ano e ficaria com Hades 1/4 do ano.


Esse simbolismo remete as mudanças das estações do ano.


Perceba que ao estudar esse mito absorve-se um contínuo de morte e ressurreição, ou mesmo o Karma quando a referência de plantou colheu, o verdadeiro equilíbrio entre o dar e receber.


Nesse mito inclusive, fica claro que se eu não cuidar da minha terra no período correto vou passar pela seca e o contrário também é verdadeiro, se eu cuidar plantando boas sementes e regar vou vivenciar grandes colheitas.



Em imagens você Encontra o Arquétipo da Deusa Deméter


  • sentada, com tochas ou uma serpente. Seus atributos são a espiga e o narciso, seu pássaro é a grou.

  • tendo em uma das mãos uma foice e na outra um punhado de espigas e papoulas, trazendo na cabeça, uma coroa com esses mesmos elementos.


Ao final de sua jornada, ela se casou com Telégono, rei do Egito e ele fez uma estátua a Deusa Deméter, que os egípcios chamavam de Ísis.


Em estudos dos arquétipos, existem diferenças nos mitos e culturas o interessante é seguir as orientações que você recebe na sua meditação e oração, cada individuo está em um momento de desenvolvimento e entender o seu tempo é o segredo do sucesso com o poder dos arquétipos.


A mulher que vivencia esse arquétipo pode utilizar ervas como a camomila ou óleo essencial de gerânio para acessar esse aroma mais materno e amoroso.


Manter o equilíbrio entre o dar e receber fica de exercício, caso você esteja sendo sugada de mais ou folgada de mais, lembre-se a Deusa Deméter é a terra justa.


Diferente de Gaia; sua avó; que só ofertava o arquétipo da Deusa Deméter vem com um equilíbrio e amorosidade responsável, sabendo a hora de avançar ou a hora de parar.


Curtiu?


Comente aqui embaixo as suas experiências com os Arquétipos e Planejamento.

Agende Hoje a sua Sessão.


Forte abraço!

Patricia Lima



P.S. É Proibido o compartilhamento desse material sem os devidos créditos. Pode utilizar para inspirar-se e não para copiar.

















Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page